Game of Thrones – Episódio 33: Breaker of Chains

gots04ep03

Na verdade nem estou muito a fim de comentar o episódio, basta dizer que é um pouco de sossego depois de uma estreia de ritmo fortíssimo. Agora é preciso um pouco de conversa e outro tanto de exposição para seguirmos em frente pela temporada e tivemos isso de sobra nesse episódio: gente conversando, conversando, Mole Town apresentad para quando for relevante lá para frente não parecer tirada da manga, etc.

Mas queria umas duas palavrinhas sobre a polêmica da semana.

Então.

A cena do velório já é desnecessária no livro. Já é um tom acima da perversão que o autor parece gostar bem. Aí o seriado, que em termos de perversão é pior ainda (não sou moralista, mas a profusão de peitos e bundas só pra preencher a cota da punheta chega uma hora em que começa a incomodar), dá um jeito de PIORAR a criação transformando uma cena de sexo doentio em… estupro!

De todas as alterações da série até agora, essa, de longe, foi a que mais me incomodou. Aliás: é a única que dá para chamar com todas as letras de equívoco.

Você coloca um personagem difícil em arco de redenção, tá ele lá tentando limpar sua barra e de repente coloca tudo a perder com essa cena? Narrativamente, pra que isso?  Sem entrar no mérito do estupro (pela condução da cena alguém tem alguma dúvida de que ele forçou a situação toda e que ela obviamente não queria?), ferrar todo o trabalho feito com o personagem, tornando-o para dizer o mínimo incoerente com aquilo que quer ser ou de uma forma mais direta, hipócrita, e, o que é pior, fazendo o posterior rompimento dele com Cersei mais machista e tosco ainda (sendo que continuar focando em ambos não serem mais as mesmas pessoas de antes da prisão dele estava sendo bastante eficiente) me soou simplesmente como… estupidez. E era uma cena que poderia ser melhor trabalhada, caso entendessem ser necessária ao ponto de ser mantida.

(já que afinal de contas não entendo como Cersei vá sequer pensar em sexo tendo perdido o primogênito – ainda por cima acreditando piamente ter sido culpa de Tyrion- e tendo Tommen levado dela antes mesmo de qualquer luto ser absorvido).

Tem um texto muito bom (em inglês) sobre a questão do estupro e como foi abordada de maneira desnecessária e pobre.

Mas não deixa de ser um alento que a primeira escolha realmente equivocada da série tenha sido depois de 32 episódios…

***

Até a próxima!

Anúncios

6 Responses to Game of Thrones – Episódio 33: Breaker of Chains

  1. Bruno says:

    Acho que desde o início a escolha de certas cenas e momentos dos livros a serem transpostos pra série não é exatamente a das “necessárias” ou algo assim, mas sim aquelas que mais marcam e chocam mesmo. Nisso é uma cena que dificilmente ficaria de fora – é uma cena muito forte no livro, do qual as pessoas lembram e comentam quando lêem, então é claro que iam querer ter ela na série também. Mas concordo que a mudança dela na TV foi um equívoco que poe em xeque toda a evolução do personagem até li. No livro se pode ver bem que é um momento de fraqueza de ambos, fragilizados com a morte do filho, com tudo o que se passou até eles se reencontrarem e tudo mais. Na série ficou só um… Estupro, mesmo.

  2. Elvis Wolvie says:

    Você leu o comentário do próprio Martin a respeito? http://www.hypable.com/2014/04/21/game-of-thrones-jaime-cersei-rape-george-rr-martin-response/
    Eu acho que isso não necessariamente arruína a redenção do personagem. Ele estava se sentindo mal com as negativas de Cersei e fez aquilo por estar um pouco fora de controle. Creio que vá se sentir mal com a própria atitude e, apesar de ainda amar a irmã, se afastar cada vez mais.

    • Tava lendo agora rs
      Não acho que arruíne o personagem, mas foi um pouco burro se estão construindo a redenção dele. E tem de ver os desdobramentos, de como esse fato vai ser usado para separá-los de vez (e que talvez tenha até mais força do que “ela o traiu com fulano, beltrano e siclano”). Mas tudo a aguardar, ainda

  3. Mariana says:

    Assisti com o Marcelo e achei muito estranha a cena. Estava tudo indo tão bem…

  4. Pingback: Sobre as núpcias de Sansa Stark | Leitura Escrita

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: