As Boas Mulheres da China – Xinran

Confesso que li esse livro um pouco desavisada. No seguinte sentido: esperava que fossem histórias de mulheres chinesas com finais felizes, mas não são. Trata da vida dura de mulheres comuns, de diversas classes sociais, oprimidas por duas forças diversas: a sociedade chinesa, por tradição machista, que relega as mulheres ao segundo plano, e também à Revolução, à implementação de um regime comunista ditatorial e opressor, onde além da perseguição e punição intelectual, há também a física, a retirada de toda e qualquer dignidade possível.

Não existem finais felizes em As Boas Mulheres da China. O livro é um relato jornalístico de uma apresentadora de rádio, de um programa bem popular, que resolve responder a uma pergunta simples: “como vivem as mulheres na China?”. A partir dessa pergunta, começa a desvelar um mundo de tragédias pessoais e coletivas.

Leia mais deste post