Desafio Volta ao Mundo

mundoAno-novo, nada melhor do que começarmos com um desafio literário novo!

Na verdade, não iria tornar um desafio público, mas, provocada pelo Luan, resolvi escrevê-lo.

Uma coisa que falo muito aqui no blog e recomendo para qualquer leitor: saiam da lista dos mais vendidos. Saiam dos best-sellers e autores óbvios. A gente acaba se fechando tanto no mais do mesmo que não enxerga o resto, acaba entrando num loop de ler eternamente o mesmo tipo de coisas (até porque acaba sendo mais fácil). E nem precisa ir muito longe para encontrar esses autores: indo para um nível ainda pop, mas que sai do best-seller, já achamos ótimos autores e que nos darão o diferente (dois exemplos óbvios: Haruki Murakami e Chimamanda Adichie. São autores pops, acessibilíssimos e que já saem dos mesmos autores e temas batidos). Nós também temos a tendência (enorme, gigante) de consumir muita literatura anglófona e… ignorar o resto. Ou deixar de ver o que mais há fora disso.

Então chegamos ao nosso desafio: a volta ao mundo!

Leia mais deste post

Anúncios

Balancete

Bom, estamos nos aproximando do fim do ano, né?  Daqui a pouco começam as retrospectivas, as festas, a comilança e tudo mais…  Mas antes disso temos pouco mais de um mês para fechar tudo aquilo que ficou pendente no ano, verificar os projetos que ainda podem ser finalizados, rever as metas daqueles que não deu tempo e já começar a planejar 2013. Porque, bom, 2013 começa em 01/01 e já é possível adiantar várias coisas até mesmo antes disso.

Mas, no que diz respeito às metas relativas à leitura e ao blog, acho que estou indo muito bem. Encerrei as compras de livros esse ano – agora só terminar de pagar o que está no cartão e esperar o ano que vem para reabastecer a estante. Desde ano passado, creio que já comentei antes, faço um inventário dos livros adquiridos no ano (comprados e ganhos) e vou marcando aqueles que já li. Hoje, conforme as anotações atualizadas, foram 39 livros lidos de um universo de 65 adquiridos (esse ano, já que li alguns que tinham ficado pra trás de outros anos, outros que não entraram na lista e coisital). Muito bem, mostra que minha intenção de “segurar” a mão nas compras anda dando resultado – além disso, apesar de ser subjetivo, acho que tive uma melhora qualitativa nas compras, também.

Temos algumas metas interessantes sobre o ano: estou quase terminando o Desafio Literário, com resultados também muito satisfatórios. Ainda pretendo fazer um texto sobre a experiência, mas vai ficar para mais tarde, já que ainda faltam dois tópicos a serem preenchidos. Basta dizer que desde já valeu muito a pena ter topado e já estou esperando a lista para o ano que vem.

Tinha também um desafio pessoal que há quatro anos tentava fazer: ler 52 livros em um ano. Por que exatamente esse número? Pois dá uma média exata de 1 livro por semana, plausível e alcançável. Essa meta e desafio pessoal consegui bater  com louvor, pois até o momento tenho registrados 60 livros. EEE! Claro que não resenho todos e nem na ordem de leitura, mas nunca li tanto em um ano. E provavelmente nunca lerei de novo, mas isso tem seus pontos positivos.

Por falar em resenhas, dei uma olhada na minha lista e descobri que a próxima resenha literária será a de número 100. Que emocionante! Posso não ser tão prolífica quanto outros blogueiros são, mas quando faço, me dedico. Se sou devagar são detalhes 😛 Queria fazer de um livro especial para marcar o momento, então veremos essa semana. Afinal, entre as intenções do ano, ainda faltam mais no mínimo seis resenhas. Socorro!

Então é dar aquela injeção de ânimo final para terminarmos bem o ano! Até a próxima, com muito trabalho!