Valhalla

chapecoenseO Valhalla é um dos paraísos do panteão nórdico, onde o guerreiros valorosos mortos em batalha poderiam divertir-se para sempre sobre as bênçãos de Odin, num eterno banquete com todas as diversões possíveis.

Hoje sonho com um Valhalla verde. Verde e branco. Com os cantos da torcida, o grito de gol, a alegria da bola rolando e toda a emoção de um vestiário em festa. Um estádio eternamente lotado, a glória perpétua, a alegria da conquista estampada no rosto.

Só há um jeito de ser jovem para sempre. Só há uma forma de ser jovem para sempre.

E dói em quem fica, obrigados a conviver com a perda, a saudade e a passagem do tempo. Talvez o pesado legado de assistir a passagem dos dias.

A quem parte, os campos eternos, onde já não existe dor.

E na dor, juntos quem ficou, nos abraçamos na mais profunda e sincera solidariedade. Às alegrias que nos deram, por nos ter feito acreditar em que tudo era possível, que qualquer um pode triunfar.

Anúncios