Game of Thrones – Episódio 24: And Now His Watch Is Ended (HBO)

 gots03ep24

AAAAAAAAAAAAAH! Ainda estou arrepiada com esse episódio! Foi tão, tão, tão… coroado por sua cena final que é uma das coisas mais legais que já vi! A parte final do episódio consegue encostar no episódio INTEIRO da Blackwater do ano passado – e estamos falando só do QUARTO episódio. Não chegamos nem na metade da temporada. E já fomos presenteados com uma belezura dessas…

 

  • Como eu disse desde o primeiro dia: parece que as verbas aumentaram, puderam no mínimo ter a mesma quantidade de dinheiro do ano passado com figurinos e cenários já construídos e puderam fazer tudo ficar muito mais bonito. Sério: os figurinos estão muito mais bonitos do que os da primeira temporada, as coisas parecem mais caprichadas e temos cenários de fazer babar como o Grande Septo. Foi um dos meus primeiros “ooooh” do episódio: achei lindo, bem-construído (mesmo sabendo ser CG, ficou grandioso e natural), muito bonito mesmo. Assim como todo o aspecto estético da série, é algo a se chamar a atenção e deliciar os olhos…

  • Jaime Lannister perdeu a mão, está deprimido (não para menos), humilhado e destratado. Como Brienne faz questão de apontar, é seu primeiro contato com o mundo real. E o mundo real não é bonitinho e nem tudo fica resolvido falando do papai e do dinheiro da família. O diálogo/interação entre os dois é primoroso – e dá pra perceber que quando ela fala “não aja como uma mulher”, ela parece refletir onde está o erro da frase. Fico muito feliz de terem achado uma atriz grandona que consiga dar o peso necessário à personagem.

  • Ainda sobre pessoas humilhadas e destratadas, temos Theon Greyjoy caindo numa armadilha que nem um patinho das Ilhas de Ferro. E um monólogo tocante, dele tentando se convencer que odeia os Stark, que suas atitudes faziam sentido… só para dizer, amargo, “meu pai de verdade foi morto em King’s Landing” e que ele cometeu um grande erro. Gosto muito, mas muito mesmo, da profundidade que estão dando ao personagem – é raro ver em TV personagens que erram tentando acertar, que se perdem, que se esquecem de quem são (o que é chave para o desenrolar da trama dele, também), mas que têm tempo de viver e rever isso. De colher cada sementinha que plantou. – e provar seu gosto amargo.

  • A cena sobrando da semana é a do Bran… Novamente, para quê? Podia dar alguns minutinhos a mais para outra sequência, principalmente as finais do episódio, mas curioso que a catchphrase de certa personagem (promise me! Promise me! PROMISE ME!) aparece na boca de outro. Será?

  • E um personagem que andava sumido nessa temporada faz sua aparição e marca presença: lord Varys. É um dos jogadores mais eficientes e habilidosos do jogo – ele e Littlefinger se antagonizam e se completam. A história de “estou do seu lado porque estou contra a feiticeira” pode estar perto ou longe da verdade, não sei, quem sabe? Mas é bom vê-lo se mostrar e seu jogo sutil, mas preciso. Também tem a questão do feiticeiro dentro da caixa: uma boa amostra que a Aranha não é NADA inofensiva e ingênuo é quem pensa o contrário.

  • E todos os jogadores perceberam que estão com um senhor ás na manga do qual não se deram conta: Sansa Stark. A menina pode ser bobinha, insansa (hein hein), mas é apenas a herdeira do Norte caso seu irmão seja malsucedido na rebelião (o que todos aqueles que a têm em mãos esperam e trabalham para que isso aconteça, cada um por seus motivos). Aliás, mesmo com uma eventual cisão do norte, ter a única irmã (sabidamente) viva como familiar é um senhor trunfo. E só agora as pessoas se deram conta disso. Só porque Littlefinger foi o primeiro a perceber (o tiozão é creepy mas não é um amador no jogo e essa seria uma bela união do útil com o agradável). E, para ela, a perspectiva de se casar com um rapaz bonito e morar num jardim parece extremamente agradável e salvadora depois de tudo o que sua vida se tornou.

  • Só uma nota: MARGAERY LADY DI NO IRON THRONE! SOU #TEAMMARGAERY e fora Cersei recalcada!

  • Falando nela, não deve ser fácil ser Lannister, apesar de tudo. A própria Cersei define Tywin Lannister, o patriarca, como alguém mais preocupado com seu legado do que com seus filhos. Não é fácil para nenhum dos três, mesmo. E um belíssimo diálogo, uma atuação incrível e a demonstração que todos os filhos sentem-se desconfortabilíssimos perto do pai, que ele, o grande chefão, eclipsa todos ao seu redor. Uma das melhores interações da série e uma das maiores verdades sobre Cersei: “seu problema não é ser mulher, é ser menos espera do que se julga”.

  • Por falar nisso há algo interessante sobre os diálogos das mulheres da corte e que revela exatamente qual seu papel na sociedade, como uma mulher é vista e até onde pode ir: nenhum diálogo passa pelo teste Bechdel. É um indicativo bem grande do papel da mulher na sociedade onde vivem (tudo bem, o diálogo entre Margaery e Sansa até passou de raspão, mas é excepcional). E bem interessante de notar, também.

  • Por fim, as coisas começam a ficar tensas no episódio. Gilly lembra a Sam de que está pouco se importando com um garoto apaixonado, para ela o importante é salvar a vida de seu bebê ameaçado. E não só ela tem outras preocupações: a Patrulha da Noite tem fome, frio, tá sendo tripudiada por um sujeito que apenas estupra as filhas e mata os filhos… Isso não pode acabar bem. Não VAI acabar bem – como sempre digo, você nunca viu briga de verdade se nunca viu duas pessoas discutindo sobre comida. Não é bonito. Não é leal. Não é civilizado – é o instinto de sobrevivência mais puro.

  • Arya está sendo levada para a batcaverna do cara esquisito, com ela Hound, pego na baciada pelo mesmo pessoal fundamentalista meio maluco. Outro diálogo excelente – eles são quem mesmo? E o Hound tem o que com o que o irmão faz ou deixa de fazer? (não que não tenha seus próprios crimes). E as expressões faciais e tons de voz, tudo isso é algo que um livro não dá para você, que a cena torna muito, mas muito impactante. E no episódio que vem acontecerão coisas AWESOME aqui, também.

  • Por fim, a cena final. Ah, a cena final. Eu PRECISO FALAR ALGUMA COISA? Awesome. Epic. Conforme a expressão facial do Pedobear: :O. Confome a tradutora: O.O. E essas são as nossas expressões também, por uma dessas felizes coincidências. Não tenho o que dizer – sequência perfeita, CG perfeita, música perfeita e é só o QUARTO episódio! Uma das sequências mais incríveis dos livros, uma das mais maravilhosas da série, da TV, de tudo! E olhem que ainda tem muita, muita coisa boa para vir!

***

E até a próxima!

Anúncios

6 Responses to Game of Thrones – Episódio 24: And Now His Watch Is Ended (HBO)

  1. Bruno says:

    Todo mundo fala do Tyrion, mas o Tywin é um personagem que tá fenomenal. Desde a primeira temporada, é só ele entrar em cena que cria um empuxo gravitacional e tudo parece girar em torno dele. Até o próprio Tyrion. Só um olhar dele já chega a te deixar desconfortável.

    Achei muito bom também a velhinha Tyrell mostrando que não é trouxa, tão sabendo explorar bem ela na série, já que ela não oportunidade de aparecer tanto assim nos livros. Só achei a parte do Loras ser oferecido em casamento pra Sansa meio wtf – quer dizer, ele não é um guarda real? A escolha do Tyrell aleijado no livro faz muito mais sentido, e como ele nem chega a aparecer, não é como se fossem precisar de mais um ator de qualquer forma.

    E sobre a cena final… Pra mim o título do episódio tinha que ser “Dracaryrs” e pronto =P

  2. Essa série provoca diversas sensações, e o final desse episódio foi revelador!! Eu tenho toda certeza de que a Daenerys Targaryen irá retomar o seu reino. E eu torço pra ela!!

  3. Laura Abreu says:

    Ai, mais uma vez.. simplesmente perfeita… e olha que foi só o QUARTO episódio!!!!!! também fiquei sem palavras com a cena final… e estou achando tão bem explorado a relação Jaime e Brienne….

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: