O Clube dos Anjos – Luis Fernando Verissimo

No post anterior, eu disse que tinha lido um livro, pouco depois, que era de certa forma uma representação daquilo de ruim que a comida pode trazer para a vida de uma pessoa. Bom, foi este o livro em questão, mas primeiro uma apresentaçãozinha.

Não preciso apresentar Luis Fernando Verissimo, um dos maiores autores brasileiros contemporâneos, em qualidade e prolificidade. Ele é conhecido pela crônica de costumes, além do humor ácido do absurdo da realidade (e por vários textos apócrifos da internet que nem dele são). Eventualmente ele escreve romances, apesar de não ser essa sua especialidade, então já entra a curiosidade de saber como se sai um cronista conduzindo uma história longa.

Outro ponto interessante é que o livro faz parte de uma coleção chamada Plenos Pecados, com sete livros, escritos por sete autores, tendo por temática algum dos pecados capitais. Este é o representante da gula e me atreveria a dizer que traz um belo retrato do potencial destrutivo da compulsão alimentar, o comer sem ter fome, o comer para tampar outras coisas que não querem ser enfrentadas.

É a história do Clube do Picadinho, que dez amigos glutões fundaram para compartilharem todo seu apreço pela boa mesa, narrado por Daniel, talvez um de seus membros mais entusiasmados. Ao longo dos anos, o grupo se reuniu para compartilhar a sua mesa, mas o relacionamento anda abalado desde a morte de um dos fundadores do grupo, o Ramos, assim como a intervenção das famílias dos envolvidos que não veem com bons olhos as reuniões culinárias. Daniel vê como esperança de reativação o convite a um habilidoso chef, Lucídio, para promover as melhores orgias alimentares para o grupo, mas as coisas se desenvolvem de uma maneira bem diferente do que ele imaginava…

Agora entra o que achei realmente interessante: nenhum dos membros do clube do picadinho tem uma vida saudável e prolífica, todos parecem envoltos por problemas pessoais além deles ou de dificuldades com a vida adulta – especialmente Daniel – e o Clube do Picadinho parece ser o centro da vida de todos eles. Quando os assassinatos começam, há plena consciência dos crimes e de como são efetuados, mas os membros não se importam. O êxtase da comida vale o preço de uma vida e é essa a tônica da compulsão alimentar, de certa forma. Você sabe que não faz bem, que está se destruindo aos poucos, mas o apelo de encher-se de comida, pois já não há sabor, faz com que o indivíduo se mate aos poucos por ela. Como o livro mesmo ressalta: sexo acaba, ira acaba, mas não a fome. O ser humano precisa se alimentar para sobreviver, então o objeto do vício sempre estará próximo.

Também não se trata de um livro humorístico, apesar de algumas passagens que arrancam sorrisos. Também não é um thriller, ainda mais porque leitor e personagens estão conscientes de quem é o assassino desde a primeira morte. É muito mais uma narrativa sobre a comida no centro de tudo, de uma forma muito menos saudável do que deveria ser. Sobre como o limiar entre prazer e veneno às vezes pode ser tão sutil.

***

Até a próxima!

Anúncios

5 Responses to O Clube dos Anjos – Luis Fernando Verissimo

  1. Alex Bastos says:

    Como bom glutão que sou, apesar do corpo ainda não denunciar, coloquei na lista de futuros livros pra serem ‘devorados’. =*

  2. Larissa says:

    Eu acabo de resenhar este livro também, apesar de ter tido uma leitura bem mais leve dele do que a sua, pelo que pude perceber. Eu considero o livro uma comédia sim, um grande deboche, com momentos tensos, é claro. E os trechos que arrancaram seus sorrisos, me arrancaram gargalhadas. Veríssimo sempre me arranca gargalhadas!

    Bjs!

  3. Pingback: Desafio Literário 2012 « Leitura Escrita

  4. Pingback: O Jardim do Diabo – Luis Fernando Veríssimo « Leitura Escrita

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: